Radiante Recreio |

Recreio, 20 de fevereiro de 2018

Divulgue eventos, compartilhe soluções em anoradiante.com.br

Minas Gerais tem registro de 44 mortes por febre amarela

Atualizando as informações sobre o número de mortes por febre amarela, apresentamos o atual quadro de Minas Gerais, com todas as cidades onde foram confirmadas mortes por febre amarela, até a data de hoje: 5, fevereiro,2018.

Na Zona da Mata – nossa região : Bicas ( uma ), Maripá de Minas ( uma ), Senhora de Oliveira ( uma ), Santo Antônio do Aventureiro ( uma ), Juiz de Fora (uma ), Mar de Espanha (uma ), em Goianá ( uma), Piranga ( uma ), Barra Longa ( uma ), Ponte Nova ( uma) ,Presidente Bernardes ( uma ), Porto Firme ( uma ), Viçosa ( uma ); Região Metropolitana : Belo Horizonte ( três); Nova Lima ( seis ), Brumadinho ( três ), Rio Acima ( duas ), Mateus Leme ( uma ) , Raposo ( uma), Caeté ( uma ) ; na Região Central : Barbacena ( uma ), Itabira ( uma ), Jeceaba ( uma ), Ouro Branco ( uma ), Alvinopolis ( uma ), Mariana ( quatro ) ,Santa Bárbara ( uma ) , Barão de Cocais ( uma ); no Centro-Oeste : Carmo da Mata ( uma ); no Sul de Minas : Poço Fundo ( uma ); na Região Sul : São Tomé das Letras ( uma ).

O óbito de febre amarela, registrado no Hospital de Leopoldina ( Casa de Caridade de Leopoldina ), do dia 22 de janeiro, foi de um paciente de Santo Antônio do Aventureiro.

Neste mês de fevereiro, até agora os últimos registros foram : dia 1º, a morte de um morador de Senhora de Oliveira, Zona da Mata, confirmada pela Fundação Ezequiel Dias ; e dia 2, confirmada a morte de um morador de Ouro Branco, com 41 anos, internado em Barbacena.

44 CASOS CONFIRMADOS ATÉ 1ª SEMANA DE FEVEREIRO
Registrados 44 mortes por febre amarela em Minas, deste número, 8 mortes foram confirmadas por prefeituras e não constam no balanço oficial do estado, sendo a mais recente a de um morador de Ouro Branco, na Região Central de Minas Gerais, na sexta-feira , dia 2. As mortes têm registros desde dezembro de 2017. A Secretaria de Estado de Saúde divulgou no dia 30 de janeiro/2018, 36 mortes por febre amarela. De acordo com o balanço, ao todo, 81 casos foram confirmados. Atualmente, o índice de letalidade da febre amarela no estado está em 44,4%.

Deixe um Comentário

Você deve estar logado para comentar.